Friday, October 19, 2007

Operação Dulcineia


O capitão Galvão foi pioneiro na prática de sequestrar/desviar navios com fins políticos.

O capitão Galvão, juntamente com a DRIL, sequestra o paquete de luxo Santa Maria, em Janeiro de 1961, lançando Portugal para as páginas da imprensa internacional. Após cinco dias, um morto e dois feridos graves, o grupo entrega-se ás autoridades brasileiras, onde obtêm o estatuto de asilados políticos e o navio regressa a Portugal. Em 1973, é vendido e desmantelado.

2 comments:

Lueji said...

E lá se abrem as primeiras brechas no regime.

Izanami said...

o regime já estava cheio delas...desde a vitória dos aliados - o MUD fez mossa...todos acharam que as eleições livres "tão livres como na inglaterra livre" foram uma fraude.... ai, ai, que andamos muito atrasadas na leitura....